Web Rádio Nova Voz de Soledade

quinta-feira, 18 de setembro de 2014

Web Rádio Nova Voz de Soledade completa um ano

Criada no dia 18 de setembro de 2013 a NOVA VOZ é a primeira web rádio da cidade de Soledade/PB.


Com caráter educativo, cultural e informativo, a NOVA VOZ se propõe a ser um canal de informações locais e de interesse de todos, além de tocar a boa música brasileira, valorizando os mais diversos estilos musicais. 

No site 
http://radionovavozdesole.wixsite.com/novavozdesoledade O internauta pode acompanhar a nossa programação com uma ótima seleção musical e uma excelente qualidade de áudio. Para ouvir a web rádio NOVA VOZ DE SOLEDADE basta acessar o link http://radionovavozdesole.wixsite.com/novavozdesoledade e vc já estará ouvindo a nossa programação.
WEB RÁDIO NOVA VOZ DE SOLEDADE, um ano com você, 24h na net.



sábado, 5 de julho de 2014

Paróquia de Soledade divulga programação da festa da Padroeira

Por Manoel Neto


     A programação religiosa e social da festa da Padroeira Senhora Sant' Ana de Soledade foi divulgada na noite desse sábado 05. Será de 17 a 27 de julho. Para esse ano, o administrador paroquial padre Hermes incluiu algumas novidades. Na parte religiosa, a comunidade celebrará a padroeira , com várias atividades como Missas, Ofícios, Bênção do Santíssimo, procissão e missa com os vaqueiros, missa com os agricultores, missa com idosos e enfermos, missa com as avós, procissão dos motoristas, passeio ciclístico Pedal com Cristo.
Foto: Joselma Avelino
     

     Na parte social da festa, acontecerá quermesse e um momento especial para os casais. Todos os casais de namorados, noivos e esposos estão convidados para o Jantar para Casais, que será no dia 19.

     Padres de outras paróquias foram convidados para celebrarem com os paroquianos de Senhora Sant' Ana. 

      Confira abaixo toda a programação da festa da padroeira Senhora Santa Ana divulgada pela Paróquia:

       PROGRAMAÇÃO RELIGIOSA E SOCIAL

16/07 - Missa de Nossa Senhora do Carmo (19h30)

17/07 - Abertura da festa - Ofício (5h30)
Procissão da Bandeira de Santa Ana (19h) 
Hasteamento da Bandeira (19h30)
Santa Missa - Pe. José Hermes (19h40)
Pastoral do Dízimo

18/07 - Ofício (5h30)
confissão individual com o padre José Hermes (9h as 12h)
confissão individual com o padre Hermes (14h as 17h)
19h acolhimento das comunidades de São Vicente e de Seridó
Santa Missa - padre André (19h30)
Pastoral Carcerária

19/07 - Ofício (5h30)
Acolhimento e procissão das comunidades de Cubatí (19h)
Santa Missa - padre João Batista (19h30)
Pastoral Familiar
Jantar para casais - namorados, noivos, esposos

20/07 - Procissão com os vaqueiros saindo da Fazenda Santa Tereza (8h)
Santa Missa com os vaqueiros (9h)
Passeio Ciclístico Pedal com Cristo (16H)
Procissão das comunidades de Olivedos (19h)
Santa Missa (19h30)
Catequese de jovens e adultos, EJC, JCFF e Jufra

21/07 - Ofício (5h30)
Santa Missa com os agricultores (10h)
Acolhimento e procissão das comunidades São José e Jesus Menino (19h)
Santa Missa - padre Rogério da Paróquia São Cristóvão (19h30)
Terço das Mulheres

22/07 - Ofício (5h30)
Missa com idosos e enfermos (9h)
procissão das comunidades Santa Bakhita e Santa Bernadete (19h)
Santa Missa (19h30)
Pastoral da Visitação 

23/07 - Ofício (5h30)
Procissão das comunidades São Francisco e comunidades rurais de Soledade (19h)
Santa Missa - padre Marcondes da Paróquia Nossa Senhora de Fátima (19h30) 
Terço dos Homens, OFS e Pastoral da Caridade

24/07 - Ofício (5h30)
Santa Missa (14h)
Adoração ao Santíssimo Sacramento (15h as 18h)
Bênção do Santíssimo (18h)
Procissão da comunidade Santa Terezinha (19h)
Santa Missa (19h30)
Apostolado da Oração e Pastoral Litúrgica

25/07 - Ofício (5h30)
Procissão dos motoristas e motociclistas saindo da capela de Santa Terezinha (19h)
Santa Missa (19h30) após a missa Bênção para os motoristas e veículos
Conferências da Sociedade de São Vicente de Paulo

26/07 - Santa Missa com as avós e descida de Santa Ana (7h)
Repique dos sinos e fogos (12h)
Ofício e bênção para as Anas (12h30)
Missa Solene (16h)
Procissão com Santa Ana (17h30)
Bênção do Santíssimo (18h30)
Quermesse

27/07 - ENCERRAMENTO DA FESTA 
Santa Missa e subida da Imagem de Santa Ana do Nincho (8h)
Pastoral do Batismo, Pastoral da Criança e catequese de crianças.

Com informações da Paróquia de Senhora Santa Ana











     

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

Definida a data de chegada do novo padre de Soledade

Por Manoel Neto
A Paróquia de Senhora Sant'Ana de Soledade/PB estará acolhendo o seu novo administrador, padre José Hermes Fernandes de Macedo, no próximo mês de junho.
Pe.Hermes - Foto: Paróquia de Sant'Ana/Facebook
O Bispo diocesano de Campina Grande Dom Manoel Delson, definiu em reunião com todos os padres transferidos, as datas das posses em suas novas Paróquias. 
A posse do Pe. Hermes será no dia 07 de junho de 2014 as 19h30 na Igreja Matriz de Senhora sant'Ana de Soledade.
O padre Rômulo Remígio Viana, atual administrador paroquial, tomará posse na Paróquia de Nossa Senhora da Luz de Pedra Lavrada no dia 14 de junho as 19h30. 
Também na cidade de Juazeirinho, na Paróquia de São José, estará tomando posse o padre Raniery Alves no dia 15 de junho as 19h.
Todas as datas das posses dos padres estão no site da Diocese de Campina Grande, http://www.diocesedecampinagrande.org/.

quarta-feira, 18 de dezembro de 2013

Crianças e Adolescentes da SSVP fazem vídeo institucional

A Sociedade de São Vicente de Paulo SSVP está presente em Soledade há 63 anos e, dentre as várias ações realizadas ao longo desses anos, os vicentinos criaram a turma de crianças e adolescentes no dia 30 de julho de 2006. Este ano a CCA completou sete anos.

A CCA Menino Jesus de Praga surgiu em Soledade através de contatos do confrade Beethovem com a consócia Dona Carminha, que estava vice-presidenta do Conselho Particular da SSVP, afirma Vívian (15 anos)

Todos os anos a Conferência Menino Jesus de Praga escolhe uma diretoria através do voto da maioria dos membros da turma, diz Joyce (11 anos). Atualmente a turma tem dez membros ativos e a diretoria é composta por crianças com média de 10 anos. 

Conferência é como se chama cada turma de vicentinos, vicentinos são os membros da SSVP. A CCA é composta por meninas e meninos que são acompanhados pelo orientador, um vicentino responsável pela turma de crianças e adolescentes. A coordenação é de responsabilidade do Conselho Metropolitano de João Pessoa da SSVP.

A CCA faz diversas atividades extra-reunião como coleta e entrega de alimentos e de roupas, sempre acompanhadas pelo orientador. As doações são entregues pelas próprias crianças e adolescentes na casa das pessoas que precisam.

A turma também participa de eventos em outras cidades e até em outros Estados do Nordeste como Rio Grande do Norte. Para viajar, é necessário que os pais das meninas e dos meninos assinem uma ficha de autorização. "As crianças e adolescentes só podem viajar se os pais autorizarem por escrito" diz Iana Drielly (10 anos).


Para incentivar as crianças ao hábito da leitura, a CCA tem o Projeto Leitor Cidadão. A biblioteca do Projeto abriga livros didáticos e de caráter religioso. "Várias pessoas da comunidade doaram os livros para a biblioteca" diz Gizelly (11 anos). A biblioteca é organizada pelas próprias crianças e adolescentes que adotam uma ficha de controle dos livros. 

Para participar da Conferência Menino Jesus de Praga, meninos e meninas devem ter de 8 a 15 anos de idade. Para estar de acordo com o Regulamento da Sociedade vicentina no Brasil, as Conferências de Crianças e Adolescentes CCAs seguem o Manual de Orientações, desenvolvido pelo Conselho Nacional do Brasil da SSVP.

"Procure a Sociedade de São Vicente de Paulo de sua Paróquia, participe da Conferência de Crianças e Adolescentes", é o recado de Bia Gomes (11 anos). "É muito legal participar, tem estudo da Bíblia, dinâmicas, gincana" afirma Renally de 9 anos.

As reuniões da Conferência Menino Jesus de Praga (de Crianças e Adolescentes - CCA) acontecem aos sábados as oito e meia da manhã na sede da SSVP, ao lado da Igreja Matriz de Senhora Santana.

Além da turma de crianças e adolescentes, a Sociedade de São Vicente de Paulo de Soledade tem duas Conferências de adultos que se reúnem aos domingos as 9h30. 

Video produzido por Manoel Neto
Fotos: arquivo/CCA

Da redação










domingo, 1 de setembro de 2013

Flavinho vence eleição suplementar para prefeito de Soledade

Fonte: TRE/PB - http://www.tre-pb.jus.br/
Os 10.272 eleitores do município de Soledade voltaram às urnas neste domingo e elegeram o candidato Flavinho, como prefeito, e Beto de Manoca, como vice-prefeito, pela Coligação 'Soledade de Todos (PDT, PTN, PPS, DEM, PMN, PSB, PSDB, PSD, PCdoB e PT do B). Flavinho foi eleito com 4.306 (48,62%) votos, contra 3.975 votos recebidos pela concorrente Vânia de Ivanildo, da Coligação 'Unidos pela Vontade do Povo' (PT, PP, PMDB, PR, PTC, PV e PEN). 

A totalização do pleito deste domingo iniciou às 17 horas e 15 minutos, com a chegada dos primeiros pendrives, e encerrou-se às 17 horas e 35 minutos, no Cartório Eleitoral da 23ª Zona Eleitoral, em Soledade, após a totalização do resultado das 33 urnas eletrônicas, que foram alocadas em sete locais de votação. 

Dos 10.272 eleitores aptos a votar, 8.855 (86,20 %%) compareceram às urnas e 1.417 (13,79 %) se abstiveram. As urnas também contabilizaram 179 votos em branco (1,74 %) e 395 (3,84 %) nulos. 

A juíza eleitoral titular da 23ª Zona Eleitoral, Bárbara Bortoluzzi, afirmou que, embora a disputa pelos votos tenha sido acirrada, a eleição transcorreu com tranquilidade, sem nenhuma ocorrência de maior gravidade. “O trabalho preventivo da Justiça Eleitoral, com o apoio das autoridades militares, foi fundamental para garantir que a eleição transcorresse dentro da normalidade”, disse.
Bárbara Bortoluzzi lembrou que desde a última quinta-feira (29) uma série de medidas tiveram que ser tomadas, através de portarias editadas pelo juízo da 23ª Zona Eleitoral, para evitar problemas durante o pleito. “Liberamos propaganda de rua só até a quinta-feira, na sexta efetuamos a Lei Seca e, em razão de diversas denúncias de motos rodando a madrugada, fizemos diligências para coibir ilícitos eleitorais. Ainda ontem (31) baixamos uma portaria instituindo o toque de recolher. Acredito que todas estas medidas tenham sido muito importantes e necessárias, diante do acirramento político em Soledade”, explicou.

O secretário de Tecnologia da Informação do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB), Leonardo Lívio, também confirmou a tranquilidade do pleito, no que se refere ao suporte técnico da Justiça Eleitoral. “Estivemos de prontidão durante todo o final de semana, mas nenhuma urna deu qualquer defeito ou precisou ser substituída. Havia levado baterias extras devido ao ‘apagão’ que ocorreu esta semana no Nordeste, mas também não foi necessário”, disse. 

O novo pleito foi necessário porque mais de 50% dos votos da eleição de 7 de outubro de 2012 foram conquistados pelos candidatos declarados inelegíveis pela Justiça Eleitoral,  José Bento Leite do Nascimento e Fabiana Barros Gouveia de Oliveira, prefeito e vice-prefeito, respectivamente.



Quadro resumo da eleição
Locais7
Seções33
Aptos a votar10.272
Comparecimento8.855 (86,20 %)
Abstenção1.417 (13,79 %)
Brancos179 (1,74 %)
Nulos395 (3,84 %)

Oposição vence eleição suplementar em Soledade


Publicada as 17:32 - Atualizada as 18:51 - Última atualização as 22:41

Filho de ex-prefeito obteve 52% dos votos válidos

Por Manoel Neto 
O candidato da oposição Flávio Aureliano, Flavinho (PTN) da  Coligação 'Soledade de Todos (PDT, PTN, PPS, DEM, PMN, PSB, PSDB, PSD, PCdoB e PT do B), venceu a eleição suplementar de Soledade nesse domingo (01/09). Ele obteve 4.306 votos, contra 3.975 votos do candidato da situação José Alves de Miranda Neto, Miranda Neto (PT), que substituiu a candidata Vânia (PMDB).

Flavinho com crianças - Foto: Facebook/Eduarda


Flávio Aureliano da Silva Neto (Flavinho), filho do ex-prefeito de Soledade João Bosco, venceu as eleições com uma diferença de 331 votos, o que representa, 52% do total dos votos válidos. O vice-prefeito eleito é Carlos Alberto Garcia Falcão (Beto de Manoca).



Votos brancos 179, nulos 395, abstenção 1.417.

Para esta eleição suplementar, a Justiça Eleitoral disponibilizou 33 urnas eletrônicas em 7 locais de votação para garantir a realização do pleito em Soledade.

As eleições suplementares decorrem da sentença prolatada pela juíza da 23ª Zona Eleitoral, Bárbara Bortoluzzi, em ação de investigação judicial eleitoral, que declarou cassados os diplomas de José Bento Leite do Nascimento e Fabiana Barros Gouveia de Oliveira, prefeito e vice-prefeito, respectivamente, eleitos em 7 de outubro de 2012. 

A decisão de primeira instância foi confirmada pelo TRE-PB, na 47ª sessão ordinária, que determinou a realização de novas eleições, uma vez que os votos nulos apurados no município correspondem a mais de 50% do total de votos, ensejou a aplicação do artigo 224, do Código Eleitoral.

Flavinho na eleição passada 

De acordo com a Justiça Eleitoral da 23ª Zona da Comarca de Soledade, na eleição ordinária de 2012, Flavinho concorreu ao cargo de prefeito pelo PTN e ficou em 2º lugar com 4.088 votos, o que representou 47,5% dos votos válidos. E o vice-prefeito eleito Beto de Manoca, tinha concorrido ao cargo de vereador pelo PSB, ficando na suplência com 315 votos válidos.


ELEIÇÕES EM OUTROS MUNICÍPIOS

Além de Soledade, novos pleitos ocorreram em quatro municípios de quatro Estados: Taipas do Tocantins-TO, Santana de Cataguases-MG, Augusto Pestana-RS e Goiatuba-GO.

Na prática, os números revelam que, até o momento, 63 prefeitos eleitos em outubro do ano passado tiveram o registro de candidatura negado pela Justiça Eleitoral. 

quinta-feira, 29 de agosto de 2013

Eleitores soledadenses voltam as urnas no próximo domingo


Vídeo do TSE - Giro Eleitoral

Manoel Neto
Soledade está entre as cinco cidades brasileiras que farão novos pleitos no próximo domingo 1º de setembro. Os eleitores voltarão as urnas para elegerem o novo prefeito e vice cumprindo determinação da Justiça Eleitoral, que afastou do cargo Zé Bento (PT) e Fabiana (PMDB).

Os candidatos da situação e oposição fazem campanha até essa quinta-feira. Pela situação a candidata Vânia (PMDB) será substituída pelo vereador Miranda Neto (PT) e pela oposição o candidato é Flavinho (PTN).

50 cidades de 17 Estados realizaram novas eleições desde o início do ano
Fonte: TSE
Ao todo, 50 cidades de 17 Estados realizaram novas eleições para prefeito e vice-prefeito desde o início do ano. A maior parte dessas cidades está no Estado de São Paulo, onde nove eleições ocorreram. Em seguida, vem o Estado do Rio Grande de Sul, que teve sete novas eleições. 

Uma eleição é anulada pela Justiça Eleitoral quando o candidato que obtém mais de 50% dos votos válidos tem o registro de candidatura negado ou o mandato cassado. De acordo com a Resolução do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) nº 23.280/2010, as novas eleições devem ser marcadas sempre no primeiro domingo de cada mês. Cabe aos Tribunais Regionais Eleitorais (TREs) agendar os pleitos.

Além das 50 eleições realizadas até o momento, outras 13,em nove diferentes Estados, estão previstas até o final do ano. Outras também poderão ser convocadas pela Justiça Eleitoral. No primeiro domingo de setembro,dia 1º, novos pleitos ocorrerão em cinco municípios de cinco Estados: Taipas do Tocantins-TO, Santana de Cataguases-MG, Augusto Pestana-RS, Soledade-PB eGoiatuba-GO.

Na prática, os números revelam que, até o momento, 63 prefeitos eleitos em outubro do ano passado tiveram o registro de candidatura negado pela Justiça Eleitoral. 

Crime eleitoral e inelegibilidade

Nem toda irregularidade cometida durante o processo eleitoral representa um crime. São consideradas criminosas as condutas que ofendem os bens jurídicos protegidos pela lei eleitoral. Um exemplo é a compra de voto ou a mera tentativa, que
ofende o princípio da liberdade e do sigilo do voto, além da lisura e legitimidade das eleições. Outro exemplo é o uso de recursos públicos em favor de uma ou outra candidatura. A Lei das Inelegibilidades (Lei Complementar nº
64/1990), por sua vez, elenca as causas que geram o indeferimento do pedido de registro de candidatura e impedem alguém de exercer um cargo eletivo. 

Em vigência desde as eleições de 2012, a Lei da Ficha Limpa (Lei Complementar nº 135/2010), que modificou dispositivos da Lei das Inelegibilidades, tornou mais rigoroso o processo de candidatura a cargos públicos. Parte das novas eleições realizadas neste ano deve-se à aplicação dessa legislação, fruto de iniciativa popular. Outra parte deve-se a impedimentos constitucionais ou falta de quitação eleitoral.

Ranking por região

A região Nordeste é a que conta com mais Estados que realizaram novas eleições: cinco ao todo. São eles Pernambuco, com três cidades; Bahia e Rio Grande do Norte, com duas cidades cada; e Piauí e Ceará, com uma cidade cada.

Em seguida, vem a região Sudeste, onde foram realizadas novas eleições nos quatro Estados que a compõe. Assim, além de São Paulo, ocorreram novos pleitos no Estado do Rio de Janeiro (uma cidade), Espírito Santo (duas cidades) e Minas Gerais (quatro cidades).

A exemplo do Sudeste, cidades espalhadas pelos três Estados da região Sul contaram com novos pleitos. Ao lado do Rio Grande do Sul, foram realizadas eleições em cinco cidades de Santa Catarina e em uma cidade do Paraná.

Na região Centro-Oeste, segunda maior do Brasil em superfície territorial, perdendo somente para a região Norte, ocorreram novas eleições em três de seus Estados, à exceção do Distrito Federal, que não tem prefeituras.São eles: Mato Grosso do Sul (cinco cidades), Goiás (três cidades) e Mato Grosso (duas cidades).

Por fim, na região Norte foram realizadas eleições em uma cidade do Estado do Pará e em uma cidade do Estado do Amapá.

Clique aqui para acompanhar o calendário das novas eleições em 2013. 

Justificativa

Quem tem domicílio eleitoral na cidade em que é realizada a nova eleição, mas não pôde participar do pleito, tem de justificar a ausência. O prazo para justificar é de 60 dias contados a partir da data da nova eleição.

Para os eleitores que estão no exterior temporariamente, o prazo para justificativa é de 30 dias a partir da data que chegarem ao Brasil. Já os que residem no exterior e estão cadastrados para votar no país onde moram só votam para presidente da República. Assim, não precisam justificar a ausência nas eleições municipais.

A justificativa deve ser dirigida ao juiz da Zona Eleitoral em que o requerente é inscrito e poderá ser feita em qualquer
cartório eleitoral do país. 

Clique aqui para imprimir o requerimento. 

Atenção com a situação eleitoral

Não apresentar a justificativa eleitoral conta para efeito de aplicação de multa e cancelamento do título eleitoral. Isso
porque a legislação eleitoral determina que os eleitores que não votaram, não justificaram a ausência nas três últimas eleições ou não pagaram as multas devidas devem ter os títulos cancelados.

Quem tiver o título cancelado poderá ser impedido de obter passaporte ou carteira de identidade, receber salários de função ou emprego público e obter certos tipos de empréstimos e inscrições. A irregularidade também pode gerar
dificuldades para a investidura e nomeação em concurso público, renovação de matrícula em estabelecimento de ensino oficial ou fiscalizado pelo governo e obtenção de certidão de quitação eleitoral ou qualquer documento perante
repartições diplomáticas a que estiver subordinado.

RR/GA